Comunidade Católica Mar a Dentro

Artigos › 17/12/2020

O segredo da felicidade com que São José levou a vida

christchild12b-581x252-e1556642856732

A felicidade de São José não se limitou às últimas horas de sua vida, embora ele seja conhecido como padroeiro da “morte feliz”.

De fato, São José também levou uma “vida feliz”, a pesar de ter sido o único membro da Sagrada Família com a mancha do pecado em sua alma.

No livro “Devoção a São José”, do século 19, o autor explica por que a vida de São José foi repleta de felicidade:

“A Santa Igreja compara a felicidade de São José nesta vida com a dos santos no céu, porque na terra ele foi autorizado a ver Jesus Cristo face a face durante 30 anos e a glória de sua divindade, que, como nós somos permitido a crer, era de tempos em tempos manifestado a ele.”
Faria sentido, portanto, que São José experimentasse uma grande felicidade durante sua vida na terra, já que ele convivia diariamente com o próprio Deus.

A felicidade de São José e o exemplo de Jesus

Além disso, a felicidade de São José foi aprendida através do exemplo de Jesus e como ele viveu as bem-aventuranças, conforme explica o livro citado acima:

“José foi abençoado porque aprendeu com o exemplo de Jesus Cristo as oito bem-aventuranças. Ele foi abençoado porque as praticou com grande perfeição e até o fim sob os olhos d’Aquele que os recompensaria.”

Jesus ensinou a seus discípulos as bem-aventuranças, mas São José as aprendeu em primeira mão ao ver Jesus vivê-las.

É por isso que se sugere: “Escolha uma das bem-aventuranças para praticar na imitação de São José”.

Se buscamos a felicidade nesta vida, devemos imitar São José, banhando-nos na presença de Jesus e praticando as bem-aventuranças tanto quanto pudermos.

Via Aleteia

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

maradentro@maradentro.com.br

(+55) 17 3222-4436

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail