Comunidade Católica Mar a Dentro

Artigos da comunidade › 17/07/2013

Peregrinos rumo à Jornada

“Felizes os que em vós têm sua força, e se decidem a partir quais peregrinos!”
Sl 83 (84),6

Neste tempo em que o Rio de Janeiro se torna uma terra sagrada de peregrinação, com a JMJ 2013, é notável a alegria que vai tomando conta dos rostos e dos corações daqueles que partiram, que partem e que se preparam para partir para mais uma Jornada Mundial da Juventude.

O que traz tanta alegria para estes jovens que partem como peregrinos? Trabalharam muito para chegar à cidade da Fé: venderam balas, bombons, fizeram rifas e teatros, trabalharam mais horas nos seu trabalhos habituais, enfrentaram muitos desafios até chegar o tão sonhado dia de embarcarem no carro, no ônibus ou no avião.

Onde eles encontram forças para participar de dias que parecem não ter fim, depois de viagens longas de horas e horas? Caminham muito, comem não muito, ficam em alojamentos, dormem em sacos de dormir, andam e andam e andam, acordam cedo, dormem tarde, se é que dormem, enfrentam multidões, ou melhor, se unem às multidões para rezar, passam a noite em vigília, enfrentam sol e chuva, frio, calor, tempestade e afrontas da sociedade. A madrugada é para eles o lugar do encontro, como o foi para Maria Madalena.

Alguns podem perguntar: Mas que alegria há nisto? Como eles conseguem sorrir, gritar e amar sob o peso esmagante do cansaço, da distancia de sua terra, das dificuldades enfrentadas?

O mistério desta alegria que o mundo não conhece está na decisão de cada jovem que se decidiu a partir como peregrino, em busca do sentido de sua vida que é encontrado quando nossos olhos cruzam com o olhar de Cristo. A jornada mundial é uma peregrinação em busca da terra prometida, daquele lugar sagrado onde encontramos a Deus. Na Jornada somos como o povo de Deus no deserto que enfrenta as intempéries da vida, enfrenta às vezes a fome, a sede, o cansaço. É aí que descobrimos que Deus é verdadeiramente Amor e nunca nos abandona, sempre vem em nosso auxílio, ainda que algumas vezes como o povo no deserto, nos afastemos Dele.

A alegria encontrada nos jovens e que contagia a todos que os encontram pelas ruas brota naqueles que encontram no Senhor o seu refúgio. É alegria do abandono e da confiança em Deus que sempre vem em socorro de seus filhos. É a alegria da liberdade e da certeza de ser amado com todas as suas fragilidades. A alegria da fraternidade e da descoberta que somos todos filhos do mesmo Pai, independente da raça.

Bem aventurados os jovens que neste ano de 2013 se decidiram a partir quais peregrinos, que enfrentaram e enfrentarão desafios na JMJ, no Rio. Bem aventurados são eles que decidiram ir ao encontro do Eterno, daquilo que realmente vale na vida. Bem aventurados porque se decidiram a partir quais peregrinos ao encontro do Amor, pois aqueles que buscam encontram, e esta alegria da busca é já a certeza do Encontro. Bem aventurados vocês que partem para o Rio numa aventura junto com Deus, com os irmãos, com a Igreja, aí está a sua força de perseverar até o fim, não só até o fim desta jornada, mas até aquele Dia no qual nós reconheceremos o olhar de Cristo que nos amou e nos sustentou em toda a jornada de nossas vidas.

Jovens que decidiram ser peregrinos, que a vossa alegria seja completa no Cristo!

Lea Biazeto
Missão de Belém

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

maradentro@maradentro.com.br

(+55) 17 3222-4436

Newsletter

Receba as notícias no seu e-mail